A “PEREGRINAÇÃO” DE FERNÃO MENDES PINTO

Anúncios

DIA INTERNACIONAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA – 20 DE NOVEMBRO

Declaração Universal dos Direitos da Criança

A Declaração dos Direitos da Criança foi adaptada da Declaração Universal dos Direitos Humanos, tendo a seguinte redação:

  • Todas as crianças têm o direito à vida e à liberdade.
  • Todas as crianças devem ser protegidas da violência doméstica, do tráfico humano e do trabalho infantil.
  • Todas as crianças são iguais e têm os mesmos direitos, não importando a sua cor, raça, sexo, religião, origem social ou nacionalidade.
  • Todas as crianças devem ser protegidas pela família e pela sociedade.
  • Todas as crianças têm direito a um nome e a uma nacionalidade.
  • Todas as crianças têm direito a alimentação, habitação, recreação e atendimento médico.
  • As crianças portadoras de deficiências, físicas ou mentais, têm o direito à educação e aos cuidados especiais.
  • Todas as crianças têm direito ao amor, à segurança e à compreensão dos pais e da sociedade.
  • Todas as crianças têm direito à educação.
  • Todas as crianças tem direito de não serem violadas verbalmente ou serem agredidas por pais, avós, parentes, ou mesmo a sociedade.

UNICEF – DIREITOS DAS CRIANÇAS

ONU – DIREITOS DAS CRIANÇAS

EMPREENDEDORISMO

Foi realizada em Outubro, nas Escolas do 1º ciclo, a actividade Histórias de Empreender, com a apresentação do livro “O Senhor Empreendedorismo”, pela Empresa Betweien, no âmbito do Projeto “Autonomia e Flexibilidade”.

A actividade foi desenvolvida em articulação com o Centro de Artes de Sines – Biblioteca Municipal – que financiou a mesma, as Bibliotecas do Agrupamento e o Departamento do 1º ciclo.

EXPOSIÇÃO DE COLEÇÕES

O docente Francisco Martins, docente e colaborador da Biblioteca Escolar, tem exposto na Biblioteca Vasco da Gama de Sines, parte da sua colecção de minerais, com o objetivo de partilhar a sua paixão pelo tema.

É seu objetivo incentivar, através da diversidade de minerais exposta, o gosto pelo coleccionismo, bem como o conhecimento de uma das áreas da Geologia, a mineralogia, despertando a curiosidade científica e o interesse pelo seu estudo.

De referir, ainda que esta pequena mostra pretende refletir algumas das formas e a beleza que os minerais podem adotar, quando trabalhados.

De realçar que a esta partilha se inclui numa iniciativa do Departamento de Ciências Exatas e Experimentais, que antecipa a actividade “Feira dos Minerais”, a realizar em 12 e 13 de dezembro próximo, também na Biblioteca Escolar.

Obrigada pela colaboração!

 

 

SÃO MARTINHO – DIA 11 DE NOVEMBRO

História de São Martinho

Martinho de Tours foi um militar, monge, bispo e santo católico, nascido a 316 e falecido a 397.

A lenda de São Martinho conta que certo dia, um soldado romano chamado Martinho, estava a caminho da sua terra natal. O tempo estava muito frio e Martinho encontrou um mendigo cheio de frio que lhe pediu esmola. Martinho rasgou a sua capa em dois e deu uma metade ao mendigo. De repente o frio parou e o tempo aqueceu. Este acontecimento acredita-se que tenha sido a recompensa por Martinho ter sido bom para com o mendigo.

Este dia é uma das celebrações que marcam o outono e a tradição exige celebrar-se a data com um magusto.

Por norma, na véspera e no Dia de São Martinho o tempo melhora e o sol aparece, tal como sucedeu com São Martinho. Este acontecimento é conhecido como o Verão de São Martinho.

SAO MARTINHO

 

 

ATELIER DA SÃO MARTINHO

Os alunos “Voluntários da Leitura” e utilizadores frequentes da Biblioteca Escolar, com a colaboração da Assistente Operacional Luísa Isidro, ilustraram imagens alusivas ao São Martinho participando numa pequena exposição alusiva ao tema.

Este slideshow necessita de JavaScript.

MIBE : LIGANDO COMUNIDADES E CULTURAS

A Associação Cabo-Verdiana de Sines apresenta Multiculturalidade na Escola: “Tolerância e aceitação”

     No âmbito do MIBE – Mês Internacional das Bibliotecas Escolares,  subordinado ao tema, “Ligando Comunidades e Culturas”, a Biblioteca Escolar está a desenvolver atividades em colaboração com o Projeto “Ateliês de Interculturalidade”,  Associação Cabo-verdiana e os Serviços Tecnico Pedagógicos do Agrupamento, uma vez que a temática supõe uma grande abrangência interdisciplinar.

Desta forma têm sido dinamizadas sessões pelas Técnicas da Associação, em contexto de aula, tanto nas turmas de 1º ciclo de todas as Escolas, como do 2º ciclo, através de dinâmicas lúdicas e de leitura e que têm suscitado e interatividade e dabate de ideias entre os alunos e apresentadora, Drª Verónica.

É  objetivo da atividade, aprofundar a diversidade cultural e cosmopolita da cidade de Sines, as sua relações interculturais e promover ligações ativas entre a Escola e a comunidade.

Assim e tendo em conta a disponibilidade da Associação e o interesse demonstrado pelos docentes, em participar com as suas turmas, serão realizadas ao longo do ano outras atividades subordinadas ao tema.

 

asss.cabo verd 001

TURMA: 5ºG

Este slideshow necessita de JavaScript.

TURMA:5ºF

Este slideshow necessita de JavaScript.

TURMA:5ºC

Este slideshow necessita de JavaScript.

TURMA:5ºA

Este slideshow necessita de JavaScript.